Agricultura é importante demais para se permitir que diferenças ideológicas a paralisem.



Liam Condon, CEO global da divisão Crop Science da Bayer fala das transformações de um mercado em mutação. É neste mês que os negócios entre a alemã Bayer e a americana Monsanto definitivamente se fundem sob uma única marca: agora será somente a Bayer. A fusão foi fruto de US$ 62,5 bilhões iniciado em setembro de 2016, vai trazer muitas transformações a empresa.

Acompanhe a matéria na integra em www.dinheirorural.com.br